Alada

Eu olho para um lado

olho para o outro…

Chuto uma lata vazia;

Ela faz um barulho ensurdecedor….

Ao menos para mim,

ao menos nessa hora da madrugada.

Atravesso a rua

e não vejo mais nada…

A escuridão é profunda e devoradora.

Observo mais uma vez ao redor; ninguém.

Armo então minhas asas e alada volto para casa.

 

Anúncios

O que acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s